O constrangimento de ser a que tem a melhor relação com o namorido

terça-feira, março 06, 2018
episódios insólitos desta vida + ela e ele + ele e ela + Pedro e Telma + blogue português + futebol
       Como vocês sabem, e há um texto sobre isso aqui, o Pedro é um jovem treinador de guada-redes, pelo que eu (Telma) sou a namorida, e sou requisitada por ele para ir assistir a treinos e jogos. Vou por gosto... ainda que não perceba nada disto. Recebo ensinamentos de uma criança que tem pouco mais de 10 anos, mas percebe muito, muito mais disto que eu. O que também não é difícil... Mas o que vimos contar é a parte mais engraçada disto tudo...
       Eu ouço o que se passa nas bancadas. Mesmo antes de o Pedro se ter proposto a treinador de guarda-redes que íamos assistir a jogos e treinos juntos. Desde sempre que se fala das pernas que tem o treinador principal das equipas que o Pedro treina. Todo o mulherio comenta. Todas podem... eu não sabia que não podia. É que tendo a melhor relação possível com o meu namorido, corria sérios riscos de sofrer os maiores constrangimentos...
        Fui com uma colega de trabalho a um treino, visitávamos outra colega que também lá estaria e íamos todas ver o treino. O treino. Vocês, meninas, entendem... Eu ali a falar sem parar, a brincar com elas e tudo muito descontraído. Eu poderia dizer que não, mas a verdade é que era a que menos olhava para as pernas dele. Não por não serem bonitas. São as típicas pernas de um jogador de futebol que tem anos de vida disto. Só que eu não sou muito de admirar a beleza de quem não conheço. Não estou a escrever isto porque o Pedro possa vir a ler. Eu sou mesmo assim. Ligo a uma pessoa, depois de ela me interessar psicologicamente. Assim é só uma pessoa bonita, como tantas outras. Só que agora vem a parte engraçada.
       No final do treino o Pedro vem e diz com toda a franqueza e simplicidade "eu até disse ao Ricardo que trouxeste uma amiga para ver as pernas dele de que estás sempre a falar". I mean... Eu vou ter que cumprimentar esse tal treinador principal da equipa, eu vou ter que conviver e ter que entender que este constrangimento nunca existiu. Já todas as outras que fingem ver os filhos jogar, mas que estão a olhar para as pernas dele, não sofrem nada. Os maridos e namorados não desconfiam e eu sou desbocada com o meu, logo tenho estes episódios insólitos... É injusto! A vida é muito injusta... ahahah

28 comentários

  1. Ahahah, eu acho que deixava de ir aos treinos por uns tempos xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu deixei... Mas volto de quando em vez... Sempre com a mesma sensação de "Eu ainda não acredito que isto aconteceu..."
      _Telma.

      Eliminar
  2. Eu sou muito como tu e ainda bem que somos assim, significa que não escondemos nada! Além disso ele já deve estar habituado a esses comentários.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exacto. FOi o que pensei. Mas mesmo assim foi constrangedor... ahah
      _Telma.

      Eliminar
  3. Confesso que não sou muito de ligar a futebol, mas já se sabe que ah sempre quem mandam esse tipo de comentários
    Beijinhos
    https://cantinhodasofias.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Estas tramada :D ahahahah
    Mas ainda bem que podes ser assim desbocada, porque é sinal que vocês têm à vontade suficiente para falar sobre tudo!

    ResponderEliminar
  5. Maisso vale falar e ser ouvida...sinal que nos ouvem pro bem e pra malndrice😇😈e constrangimentos. ...já os tivê mas ao contrário. ..imagina assistir aos treinos e não mulher mas sim dois amigos meus mandarem piropos...nada contra..tudo a favor...mas não sabia se ria a bom rir ou se me escondia😉😉

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É igualmente engraçado... Mas tem sempre mais graça quando o constrangimento não é o nosso, não é? ahah
      _Telma.

      Eliminar
  6. Ahahah estás tramada! :P
    Que episódio engraçado!

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cá em casa é mesmo assim... Sempre a ter momentos constrangedores, mas também nos rimos muito mais ahah

      Eliminar
  7. Tambem falo tudo com o namorido e depois temos episodios de risota hehehe :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E assim é muito mais engraçado! Uma vida muito mais feliz!

      Eliminar
  8. r: Obrigada! Espero contar com a vossa ajuda quando por oportuno :)

    ResponderEliminar
  9. Muito bom ahah :D mas é bom no sentido em que vocês tem à vontade para brincar e falar sobre tudo :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Ao menos são sinceros e têm o à vontade para falar sobre tudo! :D
    Por aqui é igual.

    ResponderEliminar
  11. Mas vocês devem ter um à vontade que supera tudo isso não?? LOl,...
    Feliz Dia da Mulher Telma,
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, sem dúvida! Isso é o que nos deixa mais felizes!

      Eliminar
  12. Respostas
    1. É mesmo só rir! Constrangedor, mas muito engraçado no final xD
      _Telma.

      Eliminar
  13. Eu entendo porque também sou assim, quase nem reparo nas pessoas quando não as conheço, e menos ainda quando já tenho interesse estabelecido noutra. No entanto também sou desbocadita e pronto poderia ser algo que também aconteceria comigo. sem dúvida xd

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito bom sentirmos que vivemos com a nossa cara-metade. Entendemos perfeitamente a expressão, mas estas situações constrangedoras... DE RIR!

      Eliminar

Obrigado pelo comentário! Vamos responder-te no mais breve espaço de tempo que nos for possível. Um bem-haja!