Sim, leram bem no título: fomos os dois ao rodízio de pizzas da pizza hut. Sim, aquela rapariga que se queria assumir como (ovolacto)vegetariana, que passou a flexitariana, comendo peixe, comeu carne. Como será que fica a situação da “ela” cá do sítio? Gostámos de ir ao rodízio? Compensa em termos de preço e qualidade? Ficam a saber tudo se lerem a publicação até ao fim.
       Entrámos numa de “vamos comer toda a pizza que quisermos e conseguirmos aguentaaaar”, quase num estilo viking. Logo à entrada percebemos que não era adequado a uma alimentação sem carne. Eu (Telma) ponderei e decidi comer carne nesta refeição. Comecei a sentir-me mal por estar a fazer esta opção. Como sabem, não deixei de comer carne por não gostar, foi mesmo porque me sentia melhor comigo mesma ao deixar de comer animais de quem tanto gosto. Estar a contrariar esse sentimento foi estar a contrariar-me a mim mesma. No final, percebi que de facto não preciso de carne para nada. Sim, comi bacon e fiambre e outros que tais. Mas também percebi que não me faz diferença totalmente nenhuma deixar de comer. Por isso acho que desta sim, foi de vez. Não me inspirei pelo Wuant que recomeça a comer carne e se justifica por uma anemia que não tem nada a ver. Não me vou reger a um erro. Porque para mim isto foi um erro. Foi saboroso e não me arrependo. Foi um mal necessário para perceber finalmente que posso viver bem, feliz e comer bem sem carne.

 

       E o que vale é que somos plenamente felizes com as nossas diferenças. Porque eu comi carne e sinto mesmo que me faz diferença para a felicidade, para corpo e mente. Respeito o pensamento dela, mas prefiro comer carne. Não discutimos isso. Mas chega de abordarmos opções alimentares gerais e vamos focar-nos neste almoço!
       Fomos atraídos pela publicidade ao rodízio de pizzas que a pizza hut oferecia. Fomos propositadamente ao Centro Comercial Vasco da Gama para testar. Rapidamente nos explicaram que tínhamos ao nosso dispor 6 fatias de pizza que poderíamos repetir as vezes que quiséssemos e ainda entradas de pães de alho, pagando as bebidas à parte. Fica a 10,95€ por pessoa com a opção de refill por cerca de 3€ a mais. Achámos um preço bastante justo para o que nos foi servido. A verdade é que não conseguimos repetir as fatias de pizza preferidas de tão cheios que estávamos.Vamos passar a mostrar-vos todas as informações que constam no site referentes ao rodízio que experimentámos:
       Ambos concordámos que a melhor pizza de todas era a Pan Ham BBQ. O molho barbecue dá um toque completamente diferente do que é usual. Recomendamos este rodízio particularmente para festas de aniversário, já que é uma refeição versátil, para os mais variados gostos, e com um bom preço. O atendimento é bastante rápido. De todas as vezes, ainda nem tínhamos acabado de comer a última fatia, já tínhamos as próximas fatias em espera a chegar à mesa. Admitimos que o atendimento até foi rápido demais…
        Como podem ver pelas fotografias, as pizzas correspondem perfeitamente bem às fotografias ilustrativas. De modo geral o rodízio é bastante bom. No entanto, eu (Telma) deixo uma sugestão para o futuro: incluam mais pizzas vegetarianas, sem carne ao vosso cardápio pf.
E vocês, já experimentaram?