Mini quiches salgadas (sem massa)

       Estas mini quiches salgadas (sem massa) são uma receita perfeita para estes tempos em que a paciência para cozinhar já escasseia. São autênticos salva-vidas da cozinha. Por outro lado, também é muito bom para a poupança do frigorífico, já que nos ajuda a usar os restos todos. “Ah e tal o que é que foi o jantar?” perguntam. Foi “rédome” respondemos. É um nome mais fino para restos de ontem. Estas mini quiches são feitas com as sobras que tiverem no frigorífico. Assim, podem ser muito variadas, mas têm sempre o propósito de esvaziar o que houver de sobras. Vamos então partilhar uma das nossas versões:

Mini quiches salgadas (sem massa)

Ingredientes para 8 doses:

  • 6 ovos;
  • 1/2 de pimento verde;
  • 1/2 de cebola;
  • 1 cenoura;
  • peito de frango (pequeno);
  • azeite q.b.;
  • sal q.b.;
  • pimenta preta q.b.;
  • alho em pó q.b. .

Mini quiches salgadas (sem massa)

Modo de Preparação:

       Primeiro, numa frigideira coloca-se o azeite para um refogado, cebola e pimento picados, bem como a cenoura ralada. Deixa-se cozinhar. A seguir, adiciona-se o frango desfiado. Depois, numa taça à parte, colocam-se os ovos e mistura-se com a ajuda de um garfo. Adiciona-se os temperos e posteriormente junta-se todo o preparado de refogado aos ovos. Em seguida, basta servir em formas de silicone (ou numas formas comuns previamente untadas com manteiga e farinha). Vão ao forno a 180°C por cerca de 15 minutos e estão prontas a servir. Acompanhem com uma salada que fica muito bom!

 

Mini quiches salgadas (sem massa)

Dicas & Sugestões:

        Nós adicionámos estes ingredientes, porque era o que havia e a Telma ia comer uma sopa juliana. De contrário, teria por exemplo courgette e cogumelos, e não teria o frango. Fica a dica para quem quiser aproveitar, mas basicamente é uma mistura dos restos que houver para aproveitar no frigorífico. Bons cozinhados!

Se gostaste do artigo, segue-nos no facebook e instagram.
E claro, caso queiras ler mais, então não te esqueças de o partilhar e/ou comentar com a tua opinião.
Recomendamos que leias também: